FANDOM


Novela - 65 Anos de Emoções foi uma série de documentários exibido pela Cultura em co-produção com a Hergus Empreendimentos Culturais. Com 8 episódios, o primeiro foi ao ar em 9 de Outubro de 2016 e é apresentado por Atilio Bari.

A Série

O programa foi uma co-produção da TV Cultura com Hermes Frederico, que foi responsável por produzir o Damas da TV e Grandes Atores do Viva. Conta toda a trajetória dos 65 anos da telenovela no Brasil. Desde os pioneiros na década de 50 até os dias atuais.

O primeiro episódio conta o início de tudo, com os teleteatros (começando com o primeiro em novembro de 1950: "A Vida por um fio") na década de 50. Partindo para o início das novelas, exibidas ao vivo, começando com a primeira: Sua Vida me Pertence de 1961.

O segundo episódio é focado na história da TV Excelsior e na sua importância para a criação da identidade e do sucesso da novela no Brasil, revolucionando o gênero e mudando a maneira como o público assistia televisão. Com produções bem produzidas, elenco grandioso e contratações milionárias, Trazendo inovações como 2-5499 Ocupado, a primeira telenovela diária do país e Redenção, a novela mais longa da TV Brasileira. Mostrando que, mesmo com pouco tempo de existência, foi responsável por grandes sucessos televisivos.

O terceiro episódio fala da vida e carreira de Ivani Ribeiro. Pois além dos 65 anos da Novela no Brasil, 2016 se comemora o centenário da novelista. O episódio conta como a autora inovou diversas vezes no gênero, trazendo adaptações teatrais e literárias, além de usar temas diferentes e até ousados em suas novelas.

O quarto episódio relembra as novelas da Tupi dos anos 60 e 70. Mencionando .o trabalho do autor e diretor Geraldo Vietri que produziu sucessos como Antônio Maria e Nino, o Italianinho. Citando também o primeiro grande fenômeno da teledramaturgia nacional: O Direito de Nascer de 1964. E também Beto Rockfeller de 1968 que revolucionou ao trazer uma linguagem mais urbana. Mencionando outros grandes sucessos da emissora mesmo com a grave crise que atingia. Como O Profeta, A Viagem, Ídolo de Pano, entre outros.

O quinto episódio conta sobre o início do apogeu da Globo. Que com o passar dos anos tornou-se uma gigante mundial na produção de novelas e fazendo do Brasil uma referência no gênero. Passando pelos dramalhões escritos por Glória Magadan que alavancaram os índices de audiência da jovem emissora nos anos 60. Até as tramas escritas por Janete Clair e Dias Gomes, grandes fenômenos de audiência nos anos 70.

A continuação da história da dramaturgia da Globo é contada no sexto episódio. Focando nos anos 70, onde a emissora se consolidava de vez como a grande poderosa das novelas com sua enorme audiência e a criação de um padrão de qualidade único. Época de experiências, com tramas modernas e originais. Citando as criações de Bráulio Pedroso. Jorge Andrade, Walter George Durst, Lauro César Muniz, Mário Prata, Vicente Sesso e Walther Negrão. Autores que deixaram sua marca na década e foram importantes para a evolução do gênero. Mencionando também a criação do horário das 18h, destinado à adaptações literárias e que revelaram grandes autores como Manoel Carlos e Gilberto Braga.

O sétimo episódio dá continuidade à linha do tempo narrada pela série. Tendo o foco, a geração de grandes autores surgidos nos anos 80, e que foram responsáveis por fortalecer, renovar e manter o grande sucesso das novelas da Globo, como Gilberto Braga, Manoel Carlos, Glória Perez, Aguinaldo Silva, Benedito Ruy Barbosa e Carlos Lombardi. Citando também as novelas da Manchete, que nos anos 90 se destacavam pela qualidade e sucesso, como Pantanal e Xica da Silva. Citando também as produções de dramaturgia feitas pela Cultura nas décadas de 80 e 90, e homenageando os diretores do gênero no Brasil

O último episódio dá destaque aos acontecimentos do gênero no século 21. Citando os autores de grande audiência da atualidade Walcyr Carrasco e João Emanuel Carneiro. Mencionando também o sucesso das novelas de outras emissoras, o SBT com Éramos Seis e as novelas infanto-juvenis, a Band com Os Imigrantes e a Record com Vidas Opostas e Os Dez Mandamentos. .Dando destaque para os atores e atrizes que fazem sucesso atualmente e os já consagrados. Mencionando os autores da atualidade e o último grande fenômeno da teledramaturgia nacional: Avenida Brasil.

Com oito episódios, foi exibido aos domingos às 19h30. Com reprise às sextas-feiras às 22h

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória